Votos de Sojong do Mahayana

Os votos de Sojong tomados para o benefício de todos os seres são chamados de votos de Sojong do Mahayana. A palavra tibetana Sojong é equivalente ao sânscrito Uposatha. A razão pela qual os votos tomados em nossa tradição serem chamados votos de Sojong do Mahayana é a motivação única. Preceitos comuns Uposatha são usualmente tomados com a intenção de purificar as negatividades e atingir a liberação individual.

 

Contudo, se nós tomarmos estes votos éticos com a intenção de beneficiar todos os seres, então – possuindo o grande poder de motivação – os resultados de se manter autodisciplina são imensuravelmente maiores.

 

Os oito preceitos do sojong mahayana são:

  • Não matar

  • Não roubar

  • Não se engajar em ato sexual

  • Não mentir

  • Não consumir intoxicante

  • Não sentar ou deitar em assentos ou camas altas

  • Não comer em horas inapropriadas, e

  • Não usar perfume, joias, ou ornamentos, e não cantar ou dançar.​
     

"So significa "restaurar" e jong significa "purificar".  Você se engaja na virtude e purifica todos os erros e ações negativas, incluindo os erros mais sutis feitos inconscientemente. A prática de Sojong é para manter a pureza dos discípulos e dos votos tomados.

 

Há duas classificações do Sojong: Sojong da Lua Cheia ou Sojong do Tempo Determinado e o Sojong do Tempo Indeterminado.  O Sojong de Lua Cheia é praticado em uma data específica, o qual é o décimo quinto dia do mês lunar, de acordo com o calendário tibetano. As vezes o décimo quinto dia não existe, nesse caso o Sojong da Lua Cheia é feito no décimo quarto dia do mês lunar. Sojong purifica pela confissão dos votos quebrados e sua renovação. É necessário a presença de quatro monges completamente ordenados para executar a prática do Sojong.

 

O segundo tipo é chamado Sojong do Tempo Indeterminado porque você pratica o sojong quando percebe que você quebrou um preceito ou um voto. De acordo com a tradição Shravakayana, quando você quebra algum preceito ou voto, ou faz alguma coisa errada, você pratica o Sojong do Tempo Indeterminado. O indivíduo senta em postura de meditação com uma concentração unifocada e reconhecendo que toda a existência condicionada é impermanente, e ao mesmo tempo entendo a natureza do sofrimento e que emoções aflitivas causam nosso sofrimento. Reconhecendo isto, tenta-se não produzir mais apego à qualquer coisa que seja. Tendo estabelecido essa ideia, a pessoa reconhece ainda mais que todos os fenômenos são vazios, e que não há um eu. Neste ponto, repousa-se a mente no estado natural; todos os fenômenos são destituídos de um eu.

 

Quais são os benefícios do Sojong? Primeiro você tem que entender que cada ação negativa feita reforça e aumenta com o tempo, se não é purificada. É como uma casa. Se você é capaz consertar as coisas quando elas quebram, então você também é capaz de manter casa. Se você deixa de fazer mesmo um pequeno conserto, logo a casa se deteriora. Se você chega a deixar a fundação se deteriorar, então a próxima coisa que vai acontecer é que tudo vai desabar. Do mesmo modo, o praticante vai ser completamente purificado pela aplicação da pratica do sojong  para pequenas ações negativas, erros e transgressões dos preceitos. Mais ainda, pelo poder do sojong, você pode prevenir que suas transgressões principais aumentem e, através da repetição da prática de sojong, mesmo as transgressões principais aos votos irão diminuir de modo que aos poucos a pessoa pode se ver livre delas. Este é o beneficio da pratica de sojong."

--Trecho extraído do livro Dharma de Montanha, de Karma Chakme Rinpoche

 

 

"Nesse dia, não se deve ferir nenhuma criatura viva. Se você matar um ser humano nesse dia, seus votos são completamente quebrados. Porém, não é apropriado matar mesmo um pequeno inseto como uma formiga. Sobre tomar o que não lhe foi dado, se você roubar alguma coisa que valha mais do que um dre [3kg] de grãos, o voto é quebrado. Contudo, não é apropriado roubar qualquer coisa mesmo que seja tão pequena quanto  uma casca de semente de gergelim. Se você fizer qualquer ação que não seja casta, seus votos estarão completamente quebrados.  Porém, mesmo olhar lascivamente para uma mulher não é apropriado. Se você contar uma mentira tal qual que você viu deuses, os quais na realidade não viu, obteve a realização de um arhat quando não a obteve, e assim por diante, você quebrou os votos complemente. Contudo, não conte mentiras nem mesmo como uma piada ou para provocar alguém. Os votos são os antídotos para estas ações. Estes são os quatro preceitos raiz, e eles são tal qual uma árvore: se você cortar uma árvore na sua raiz, os galhos também vão murchar.

 

Você não quebra completamente os votos se você beber cerveja fabricada com grãos e assim por diante, mas isso faz com que os votos falhem e, portanto se tornem ineficazes, portanto você deve manter este preceito bem. Caso contrário, é dito que na sua próxima vida você terá que beber metal derretido fervente.

 

No Tibete, música, dança, tocar música, colares, perfume, usar ornamentos, camas altas, e assentos magnânimos não existem como geralmente se conhece ao redor do mundo, mas é dito que a intenção de abandoná-los traz mérito.

Deixar de comer depois do meio dia significa que, o sol tendo atingido seu zênite até o alvorecer do dia seguinte, não é apropriado, para aqueles que não estão doentes, comer qualquer tipo de comida."

--Do livro O Primeiro Karmapa - Vida e Ensinamentos de Dusum Khyenpa, sobre os oito preceitos os quais devem ser mantidos desde quando são tomados até o alvorecer da manhã seguinte. (p. 80-81)

 


 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Endereço

Rua Visconde de Caravelas, 115

Humaitá - 22271-041

Rio de Janeiro - RJ

Contato
Siga-nos
  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Afiliado à:

Karma Triyana Dharmachakra (KTD)
North American Seat of His Holiness the 17th Gyalwang Karmapa

Ogyen Trinley Dorje

Que todos possam se beneficiar!

© 2007 - 2019 KTT Brasil. Todos os direitos reservados.